Beyonce, não tenho todo esse dinheiro pra te dar bicha, mas se tivesse, dava.

Quem me conhece sabe que sou cagada pelos produtos da Adidas. Pelo simples fato de serem duráveis e aguentarem o tranco, também por serem bonitas. Sempre aproveitei as mais mirabolantes promoções para ter peças que poderiam me acompanhar por aí. Porque é isso, a gente não quer apenas rodar por aí, a gente quer rodar linda e moinnnnnnnto belíssima.

Com a crise econômica a gente quer continuar linda na foto mas não vai estar mais sendo possível, mesmo que a Beyonce tente e nos atente. Mas antes de chegar nesse ponto, quero falar com vocês da tendência em questão. O rodeio. E eu só preciso de uma imagem para te explicar tudo, o resto é história.

,Old Town Road, Lil Nas.
Old Town Road, Lin Nas <333

Logo começaram a surgir postagens sobre o apagamento de vaqueiros negros nos Estados Unidos e agora a Adidas lança uma coleção perfeita com o tema, pela Ivy Park de ninguém menos que Beyonce. Não vou entrar aqui no mérito da questão sobre como a estética preta tem sido apropriada pela indústria. Afinal todo mundo sabe que é isso mesmo, a gente levanta a bola e eles surfam na onda. E alguns pouquíssimos de nós surfam com eles, rá.

Quero falar sobre o preço das peças que gente como eu e você não vamos comprar. Meu deus, queria, mas não vai estar dando. A peça mais barata que mostro aqui custa R$599,99 e mais cara R$899,99. Mas no site da Adidas tem peça que custa mais de milão. Quantos quilos de carne dá isso? Quantas feiras? Quantos botijão de gás?

Claaaaaaaaaaaro que gostaria de usar, mas assim não dá né parceira. O que já acontece faz tempo, desde a Stella McCartney. Pra colocar a mão numa dessas (que terá um caimento perfeito em corpos grandes e que vai ar dó de usar pra treinar) é esperar mil anos até cair o preço e garimpar nas lojas físicas ou no site. E se pá, quem sabe, esse body de jeans não me escapa. Tia Bey, tem pena de nóis, tem dó. E já que é pra fazer nóix sofrer, manda a coleção inteira pro Brasil bicha. Ficou muita coisa linda de fora.


Esse não é um post pago.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *